sexta-feira, 29 de julho de 2011

Saudade

É o que sinto quando penso nos bons momentos. Tristeza, quando penso nos maus. Dúvida. Mas eu sei que algum dia tudo isso não vai passar de uma lembrança ruim um pesadelo que já terminou. Certas coisas que a gente pode escolher fazem parte do nosso caminho e por vezes desprezamos. Eu não queria admitir, mas é verdade eu gostaria de revê-lo, apenas uma vez e me lembrar de como era antes. Impossível talvez.
Mas não tem revolta, não. Eu entendo bem a situação, já analisei isso por horas a fio antes de tentar dormir. Sei que o destino é incerto e que todos um dia termos caminhos atravessados por maledicências da vida.
Vamos mudar de assunto?