sábado, 6 de agosto de 2011

"Estranho o destino dessa jovem mulher, privada dela mesma, porém, tão sensível ao charme das coisas simples da vida..."



(Amélie Poulain)




*Ao Math, amigo da Gorda Peituda que tanto me atura. Quero sua prova de amor, meu nome na sua Ass e um beijo pra quem entende*