segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Eu detesto pessoas sensuais

Eu não sirvo pra essas coisas. Além de achar démodé e antiquado.
Vamos fazer uma visualização (imaginação em ação): Você está em uma balada e de repente vê um garoto que interessa a você. Você não tira os olhos dele, e dança rebolando mais do que cobra mal matada só pra chamar a atenção, até que por milagre (neurônios masculinos demoram mais para processar informações) ele percebe e vai falar com você, vocês ficam juntos naquela noite, trocam telefone ou e-mail (msn, pra quem é jovem), mas provavelmente nunca mais se verão novamente - obviamente essa situação não serve para pessoas que nem mesmo perguntam o nome antes de sair beijando -. Isso foi uma sensualização imatura (adolescente), ainda não descobri a adulta. Não teve graça nenhuma, vocês só trocaram bactéria e provavelmente você não entendeu nada do que ele falou, o som da festa tava alto demais.
Agora vejamos outra situação: Você é uma pessoa que, assim como eu, não tem muitas ocupações diárias, e vai se sentar na pracinha perto da sua casa para desenhar (se você não faz isso, imagine então estar escrevendo, jogando no celular, mascando capim, qualquer coisa serve), por ironia do destino vem atravessando a rua aquele garoto que você ouvira falar na escola outro dia. Ele lindo maravilhoso (no salto 15 plataforma Bee) nem te dá bola. No dia seguinte você volta no mesmo lugar, na mesma hora (sem pretensão alguma, claro) e novamente ele passa, te dá uma olhada, mas claro, impassível. Isso se passa durante algumas semanas, até que você enfeza daquela bobagem toda e vai fazer alguma coisa útil...por alguma razão ele vem puxar assunto com você na internet, perguntando gentilmente o porquê de sua ausência (como se realmente fizesse falta). Pronto! Assunto vocês já tem agora, o resto é só deixar acontecer - Sim, bem fantasioso, levei algum tempo pra criar essa situação minhas (in)experiências são limitadas ao extremo nesse sentido. Não, não aconteceu comigo, nenhuma das duas situações - Como pôde perceber, isso não foi uma sensualização, foi apenas um fato que transcorreu durante o dia-a-dia, apesar de...
Eu só acho que ser sensual deve ser uma coisa natural do ser, e não aquelas fantasias eróticas artificiais vulgares que vemos por aí. Eu detesto tudo que venha da aparência e seja superficial demais. Sentimentalista sim! E vai seduzir a vó!


*P.S.: Evite ao máximo, em festas, puxar os cabelos das garotas que passam. Ela não vai te dar moral só porquê você consegue deixar ela careca.