sábado, 14 de janeiro de 2012

Os dois melhores da semana!




Filmes claro, foi só o que eu fiz nesse tempo de chuva, já que estou de férias mesmo né... vamos assistir filme, entre esses uma lista interminável de romances, épicos, desenhos, musicais, séries, enfim tudo pra TENTAR matar o tédio e a saudade do sol, do vento, das árvores, do canto dos pássaros, ai ai. Mas então, recapitulando, houveram dois filmes em especial que me deixaram muito feliz e inspirada novamente (por incrível que pareça), que foram:

 "O Mágico de Oz" provavelmente todos conhecem a história.... aquela velha papagaiada pra crianças, um conto de uma mocinha que sonha (o tempo inteiro eu me lembro de Alice no país das maravilhas), e vai pra um lugar diferente encontra seres diferentes, entre eles um espantalho que deseja muito ter um cérebro, um homem de lata que anceia por um coração e um leão muito covarde! A história é linda de morrer, e o filme com a Judy Garland...fico até emocionada só de mencionar... tem que ser assistido! Incluído em todas as listas de filmes prediletos. Teatral, simples, puro, tão antigo (mil novecentos ...e guaraná com rolha), mas tão bem feito, colorido, com aquela canção que todos conhecem de cor e salteado (Somewere over the rainbow, e o resto vai entender!)
O interessante desse filme é a simplicidade, a inocência e a beleza. Vale a pena!






O outro foi "As Grandes Aventuras de Pee Wee", só de lembrar o nome já imito a risada dele... É um carinha doidão (Pee Wee), que mora numa casa muito maluca cheia de apetrechos e ele tem uma super bicicleta incrementada que é invejada por todos em especial um garoto rico, que deseja a qualquer custo a bicicleta (que é a razão de viver do herói), dados acontecimentos, a bike é roubada e Pee Wee que não bate nem um pouco bem da cabeça vai atrás dela custe o que custar! Durante o transcorrer da história vão lhe acontecendo uma tragédia atrás da outra, cada doido com sua loucura...
Dirigido por Tim Burton, era óbvio que eu iria amar esse filme, todos sabem que eu amo Tim Burton, casaria com ele, pronto falei. Ao contrário do que se pensa, não é nem um pouco sombrio, muito pelo contrário, cheio de cores vivas e alegres, um humor muito inocente e gostoso de assistir, não há quem não se divirta com Pee Wee!