quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Padam...Padam...à lá France

Quebrar esse jejum de palavras né? Está na hora de abrir o verbo.
Vamos por às claras. Não é o tempo todo assim, você me confunde, me derrota. Me faz ter motivos pra acordar, me faz não querer sair de casa. Talvez de vergonha, de medo. Todo mundo conhece minha inefável estranheza. E às escuras qualquer um pode ser julgado, essa sua inesgotável fonte de beleza e carisma.
Me conquista? Não... só me deixa encantada.
Eu não vou cair nessa de novo. Não Não Não
Eu criei um escudo que me barra dos sentimentos exagerados, u sempre sinto tudo sozinha ninguém nunca dividiu comigo. Então não vou sentir nada. Talvez assim seja melhor. Quem é que sabe...