segunda-feira, 2 de abril de 2012

Leitura Geográfica do Sítio do Pica-Pau Amarelo

Lembra?

É hoje o dia? Hum, então tá na hora de fazer mais um postagem pra ela. Pra única negra que possui cota no meu coração.
Aquela garota que se aproximou de mim só pra se aproveitar na 5ª série, das minhas tarefas, minha inteligência. É confesso que não fiquei chocada por esse fato, eu também me aproveitei de você. Aproveitei sua amizade pra não me sentir sozinha e com medo das outras pessoas. Aproveitei sua amizade pra acreditar que algum dia eu poderia confiar em alguém, poderia aprender o que é amizade verdadeira. Aprender que pessoas são maldosas por natureza e que podemos ter sempre um piada pra isso.
Eu aproveitei. Conhecer você não foi nada fácil, quem convive sabe o quanto é difícil te entender, ou pelo menos tentar. Eu tento todos os dias. Nós não somos como as outras pessoas e isso muitas vezes provoca a inveja de muita gente, mas eu sei que a sua maturidade faz com que passem em branco algumas pessoas. Mesmo que eu não esteja com você cada minuto do seu dia, pra cuidar de você, pra te ouvir, te ajudar, ou mesmo só rir e falar baboseiras, você sabe que é só me ligar que eu pego minha bicicletinha e vou correndo te ver. Choro com você se for preciso.
Todos os dias ver como vão suas notas e se você precisa de livros de apoio, vejo se precisa de alguma explicação que eu possa dar sobre a matéria. Não sei tudo, mas o que eu sei sempre vou poder passar pra você.
Você se lembra? Essa foto é mais antiga do que andar pra
trás, estávamos na 8ª série? Como éramos (somos) feias! '-' 
Parece-me pouco tempo, 7 anos de uma amizade que não apareceu do nada, porque nós construímos esse amor. Não só com a convivência e parceria, mas também conhecendo a alma uma da outra. Há coisas que só comigo você pode falar que eu vou te entender, assim como eu só posso confidenciar certas coisas pra você. Pois eu confio em você.
E confiança não brota do chão, a gente vai construindo ela. Pode ser em alguns casos, difíceis e preciosos, que  uma amizade possa acontecer do nada. Mas eu e você não. Foi difícil, é difícil até hoje. Somos tão parecidas, mas ao mesmo tempo tão diferentes. Quando estamos juntas por muito tempo, é um pé de guerra, eu te irrito você me irrita. Mas ao mesmo tempo eu sei que posso te ajudar a ficar calma, que eu te tranquilizo e assim fico tranquila também. Pois quando você está mal, eu também fico mal.
É minha irmã. Minha melhor amiga. Temos um vasto histórico de imbecilidades juntas, e hoje Ma, no dia do seu aniversário, eu não poderia deixar passar simplesmente em branco. Não lembrar pelo menos que um dia já fomos crianças juntas e a nossa única preocupação era com a nota do ditado do Darley. Eram bons tempos que não voltam. Mas outros muito melhores nos aguardam, ainda há tanto pra se viver e conhecer, aprender. Lugares, pessoas, amores. Será que até lá ainda vai se lembrar da Belzinha gorda que você tanto enche o saco? Será que vai se lembrar da promessa que fizemos há alguns anos, comadre?
Será que vou ver seu casamento, seus filhos crescendo, você se formando em Direito como sempre quis e me dizia? Será que nosso futuro ainda vai se cruzar?
Eu amo essa foto kkkk
Eu espero que nosso futuro nunca saia do mesmo rumo. Porque eu não suportaria viver sem pessoas como você, que me fazem acordar pra realidade, tirar um pouco o pé da fantasia e viver. Me faz sentir talvez mais jovem, minha cabeça é velha às vezes e muito vazia e só você consegue encher ela com sua vivacidade.
Eu te admiro, porque mesmo estando triste, com sua alma, sua mente e seu corpo pedindo arrego, você continua sorrindo, fazendo piadas, brincando, sem deixar transparecer sequer uma lágrima do que chorou na noite passada, te admiro por ser tão forte. Eu sei que não é fácil, e como sempre digo: ninguém nos disse que seria fácil, a vida é um dilema constante. E ser feliz é só uma questão de escolha.
E eu estou aqui pra te guiar e te ajudar a fazer as escolhas certas, pra que a sua felicidade sempre te acompanhe, pra que o seu espírito continue jovem e cheio de vontades, cheio de crenças, cheio de amor!
Mesmo sendo tão crítica, sendo tão cética, eu sei que você é uma pessoa delicada, eu te conheço como só eu te conheço! Posso não ser sua amiga desde nascença, mas acho que o tempo é relativo e temos uma eternidade inteira pra nos conhecermos ainda mais e assim, querida Mazoca, sermos boas amigas, como sempre fomos.
17 anos, é chato fazer essa idade. Quer dizer que já podemos votar, mas ainda não podemos dirigir. Já podemos votar, mas ainda não podemos comprar bebida alcoólica. Já podemos votar, mas ainda nem um filme pornô a gente pode alugar na locadora. São complicadas essas coisas.
Amo você, mais do que eu amo almoço de domingo na casa da minha vó. Amo você mais do que eu amo tocar guitarra. Amo você mais do que eu amo escrever no meu blog. Amo você mais do que eu amo brócolis!
Eu amo você. Feliz aniversário e que Deus abençoe seu caminho, sua vida, sua saúde, seu intelecto, sua família e seus amigos também.


Tenho milhões de lembranças pra colocar aqui,
esse é só um aperitivo do que já fomos,
do que somos e do que um dia poderemos ser!
Bianca papagaio de pirata ;@