quinta-feira, 5 de abril de 2012

Para você,

Que se entromete na minha privacidade, pra você que entra nos meus assuntos quando não é chamado, pra você que sente inveja ou repúdio de mim. Pra você que não faz questão de mim nem tampouco eu de você. Pra você que eu nem conheço mas que já me julga. Pra você que me conhece mas se esquece de minha existência. Pra você que finge que me ama. Pra você que fala de mim pelas costas: