quarta-feira, 30 de maio de 2012

Amor é prisão, 
a partir do momento em que vivê-lo é um empasse. 
É uma prisão quando seu é amor é proibido. 
Mesmo não sendo proibido pela lei de Deus, 
é proibido pela lei dos homens, 
que dizem ser as leis da "natureza". 
O amor torna-se uma prisão quando vivido em excesso 
e sem restrições. 
Sim. Sem restrições, 
você vicia nele. 
O amor não é sentimento, é condição. 
Paixão é sentimento, encantamento. 
Amor não.
 Amor é liberdade em cárcere. 
Amor é pura dor. 
Borboletas no estomago,
 arrepios, emoções. 
Vontade de ficar perto e nunca mais sair. 
Acompanhar sem medo. 
Amor liberta quem sabe usá-lo. 
Pra quem não ama, 
o amor é só... amor. 
Mas pra quem ama.... 
o amor é você.