domingo, 2 de dezembro de 2012

Música

É... mas tenho ainda muita coisa pra arrumar. Promessas que me fiz e que ainda não cumpri, palavras me aguardam o tempo exato pra falar. Coisas minhas, talvez você nem queira ouvir. Já sei olhar o rio por onde a vida passa, sem me precipitar e nem perder a hora. Escuto no silêncio que há em mim. E basta.
Outro tempo começou pra mim agora. Eu não preciso mais viver como alguém que só espera um novo amor, há outras coisas no caminho onde estou. Vou deixar agora a rua me levar, ver as cidades se acenderem...

(Ana Carolina - Pra rua me levar, adaptada pra mim)