sexta-feira, 1 de março de 2013

"Eu não espero muito,
muito é sempre tão pouco.
Mas espero nada,
nada de horários, contas, atrasos
nada de trapalhadas e enganos
encontros desencontrados e
destinos descruzados, de pernas abertas.
Nunca pedi que fosse muito
só pedi que fosse verdadeiro,
fiel e paciente."