terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Let me live that fantasy


Cristais, avencas, feridas abertas
estardalhaço na casa azul,
viagens coloridas das virgens toscas
vadiagem
Catástrofes abundantes no mundo, 
lentidão e vingança.
Sangue de ninguém, 
mata-borrão azul.
Não era assim, diversão
Não era meu, foi embora
Não era pra ser, mas foi.
Viagens, virgens e vadiagem
Somente palavras.


Quando fiz esse desenho, esperava treinar técnicas de aquarela, um pontapé inicial para voltar a desenhar. Não aguentava a saudade de colorir e acho que foi um bom retorno. Vivam as férias! Ouça a música.